Carmelitas ajudam vítimas das inundações em Kerala (Índia)

 

Durante as recentes inundações na Índia, principalmente no Estado de Kerala, que produziram cerca de 1 mil mortos e milhares de famílias desabrigadas, a Província Carmelitana de St. Thomas e a Delegação Geral de S. Teresinha e Santo Alberto de Jerusalém têm desenvolvido um intenso trabalho de ajuda aos mais afetados.

A Escola Chris Cappelluti em Paravur (“Chris Cappell College”) está abrigando mais de 650 pessoas, que recebem apoio em suas necessidades mais básicas. Os assistidos foram resgatados de comunidades vizinhas ao colégio e levados de barco até lá, pois não há outro meio de se locomover na região.

Embora o nível da água esteja diminuindo, as famílias não podem voltar para suas casas e muitas delas terão perda total do imóvel. O estado de emergência está mantido pelo governo local. A contaminação de fontes de água potável fazem as autoridades temerem o surgimento de doenças. Os danos causados pelas inundações estão estimados, até ao momento, em três mil milhões de dólares (cerca de 2,6 mil milhões de euros), segundo fontes do governo da Índia.

Esta é uma das inundações mais graves em 100 anos em Kerala, de acordo com um balanço feito pelas autoridades. Se alguém deseja contribuir financeiramente para esta obra de caridade das Carmelitas de Kerala, pode fazê-lo através da Cúria Carmelita através dos canais usuais.

Fonte: citoc.info // www.ocarm.org