Convivência Vocacional marcou a etapa final do caminho vocacional trilhado em 2021

Aconteceu neste final de semana a Convivência Vocacional da Província Carmelitana de Santo Elias, que marcou a etapa final do caminho vocacional trilhado em 2021. O encontro teve início na tarde de quinta-feira, 2 de dezembro, e foi encerrado com o almoço no domingo, 5 de dezembro. A convivência foi realizada no Convento do Carmo, no bairro Bela Vista, em São Paulo (SP).

Após todos os desafios de viver o acompanhamento vocacional online por causa da situação causada pela pandemia, o encontro teve a participação de dez jovens vocacionados, de diferentes regiões do país.

Ao longo dos 4 dias de encontro presencial, os jovens  puderam conhecer o dia a dia da vida dos frades, sua oração e missão. No dia 2 de dezembro, o encontro começou com um almoço de acolhida e já na parte da tarde, os vocacionados tiveram uma pregação com o Prior Provincial, Frei Adailson Quintino dos Santos O.Carm., que lhes apresentou a história e as raízes da Ordem do Carmo como também os fundamentos em Nossa Senhora e o Profeta Elias. A partir dos conselhos evangélicos de Castidade, Pobreza e Obediência, o carmelita vive o carisma da Ordem. Frei Adailson falou ainda da importância da oração como caminho de ouvir a vontade de Deus. Ainda na quinta-feira, após a Santa Missa, houve a Hora Santa Vocacional, onde os jovens tiveram um momento de oração diante do Santíssimo Sacramento, em que puderam rezar e meditar o exemplo vocacional de São José.

>> CONFIRA COMO FOI A PREGAÇÃO DO PRIOR PROVINCIAL

Na sexta-feira, 3 de dezembro, o dia se iniciou com a oração das laudes na Capela com a comunidade conventual seguido do café da manhã.

Ainda na parte da manhã, a programação trouxe uma pregação com a irmã Zirlaide Barreto Mendonça, que tratou da dimensão humano-afetiva e de sua importância na vida consagrada. Em sua fala, ela explicou que a perfeita doação de si passa por um autoconhecimento, aceitação e aprimoramento daquilo que somos para que possamos nos doar a Deus e a seu povo como “toda alma, com todas as forças e de todo o coração”.

Também neste segundo dia de encontro, Frei Renê Vilela, O.Carm., mestre do postulantado, falou sobre a vivência do carisma dentro do processo formativo em nossa província. Os vocacionados puderam conhecer como se dá a formação dos frades e a importância de saber participar e viver cada momento formativo. O dia foi finalizado com a  Santa Missa seguida do lucernário vocacional.

No sábado, dia 4 de dezembro, dia em que o Carmelo honra Nossa Senhora do Carmo, os vocacionados participaram da Santa Missa pela manhã. E após isso, fizeram uma visita ao convento de São José, em Itaim Bibi, bairro da capital paulista, onde aconteceu a pregação sobre o Carisma Carmelitano: Oração, Fraternidade e Serviço apresentado pelo Frei Paulo Goulart O.Carm., prior conventual.

Através de seu testemunho e experiências de vida, Frei Paulo mostrou a importância e singularidade do carisma da Ordem e como é importante vivê-lo e respeitar as diferentes formas com que cada um o vive.

Na tarde, Frei José Ivanildo O.Carm., falou sobre a importância da vivência dos conselhos evangélicos de Pobreza, Castidade e Obediência como também os grandes desafios que eles exigem dos consagrados.

Ainda na parte da tarde, os vocacionados foram divididos em equipes para apresentar em forma de teatro os pilares do Carisma Carmelitano. No recreio, momento em que os frades vivem a fraternidade, as equipes de forma divertida e muito criativa apresentaram a Oração, a Fraternidade e o Serviço como elementos essenciais na vida de todo aquele que deseja abraçar o ideal carmelitano para sua vida.

No domingo,  5 de dezembro, último dia de Convivência Vocacional, os jovens participaram da Santa Missa às 9h na Basílica de Nossa Senhora do Carmo, que foi presidida pelo Frei Fernando Bezerra O.Carm, mestre de noviços e delegado para a formação, e concelebrada pelo Frei Márcio Silvan O.Carm, Promotor Vocacional. O encontro se encerrou com um almoço festivo.